Unacoop elege nova diretoria e tem contas aprovadas em Assembleia

A União de Associações e Cooperativas de Pequenos Produtores Rurais do RJ (Unacoop) realizou de forma virtual, dia 26 de fevereiro, sua tradicional Assembleia Geral de Prestação de Contas. Desta vez, o evento apresentou ações de apoio à agricultura familiar durante o primeiro ano de Pandemia e ainda apresentou as contas referentes ao exercício de janeiro a dezembro de 2020.

A Assembleia contou com a presença de produtores familiares, técnicos, sindicatos, representantes de associações e cooperativas associadas, além de entidades e Órgãos ligados ao meio rural como a Aearj, SNA, Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural, Sindicato Rural de Nova Friburgo, Ceasa, Ação da Cidadania, Cedrus, Conab-RJ e Emater. O evento também foi prestigiado pelo secretário estadual de agricultura, Marcelo Queiroz, e pela secretária estadual de cultura, Danielle Barros.

De Acordo com Margarete Teixeira, gerente geral da Unacoop, a Assembleia teve a presença massiva de agricultores e pescadores. “Para nós, é de suma importância ter a presença dos personagens principais desta entidade. É por eles e para eles que trabalhamos buscando soluções em tempos difíceis e sempre apoiando o desenvolvimento da agricultura familiar no estado”.

A gerente geral falou ainda sobre o Projeto de Lei do dep. federal de Minas Gerais, José Silva, que pedia a suspensão da gratuidade de assistência técnica e extensão rural para a agricultura familiar. “A notícia desta PL chegou para nós no dia da Assembleia, causando imensa revolta em todos nós. Durante o evento, muitos agricultores e autoridades presentes se manifestaram com extrema indignação. Felizmente, alguns dias depois da assembleia, após união e pressão dos produtores familiares, secretários de estado, movimentos sociais ligados ao meio rural e também políticos, José Silva retirou o projeto da votação. É mais uma prova de que a união faz a força”, enfatizou Margarete Teixeira.

Com as contas aprovadas, por unanimidade, a Unacoop realizou, durante o evento, a eleição para sua nova diretoria. A direção da entidade passou a ter representantes de 11 comunidades rurais de 10 municípios fluminenses. Esta equipe vai gerir a instituição até dezembro de 2023.

Romildo Gomes Rodrigues é produtor de banana na Comunidade do Faraó, em Cachoeira de Macacu, e foi um dos eleitos. Ele ocupará  cargo no Conselho Fiscal da Unacoop. “O maior desafio é convencer o poder público sobre as carências que o agricultor familiar enfrenta e também chamar a atenção dos agricultores para acompanhar mais de perto as discussões com cada um tendo vez e voz”, enfatizou Romildo.

Já o cargo de diretoria de relações agrícolas será ocupado por Marilis da Conceição Pereira, produtora rural da Cooperativa Mista Sul Fluminense, em Angra dos Reis. “Trabalharei para fomentar a produção da agricultura familiar, buscando assistência técnica junto aos órgãos competentes. Outra meta é cobrar o cumprimento das leis no que se refere aos programas de governo para aquisição dos produtos da agricultura familiar e ainda sobre crédito rural”, finalizou.

 Por Larissa Machado

Confira mais noticias sobre a UNACOOP